Últimas Notícias
Brasil

Parlamento Europeu condena mortes de Dom e Bruno e culpa governo Bolsonaro por violações na Amazônia

Parlamento Europeu condena mortes de Dom e Bruno e culpa governo Bolsonaro por violações na Amazônia

O Parlamento Europeu aprovou nesta quinta-feira (7) uma resolução condenando os assassinatos do indigenista Bruno Pereira e do jornalista Dom Phillips na região do Vale do Javari, na Amazônia. A resolução foi aprovada por 362 votos a favor, 16 contra e 200 abstenções.

Em nota, os deputados europeus cobraram que o caso seja investigado de forma “exaustiva, imparcial e independente” e citaram nominalmente Bolsonaro pelo aumento da violência, ataques e assédio contra defensores dos direitos humanos e ambientais, povos indígenas, minorias e jornalistas.

Em comunicado oficial, os parlamentares europeus condenam "veementemente o brutal assassinato de defensores do ambiente e dos direitos humanos, bem como de indígenas no Brasil, mais recentemente os assassinatos do jornalista britânico Dom Phillips e do ativista brasileiro Bruno Pereira".

A resolução foi aprovada por 362 votos a favor, 16 contra e 200 abstenções. Segundo informações, a primeira versão da moção era ainda mais dura e propunha que o acordo entre a União Europeia e Mercosul não fosse ratificado e que seu conteúdo fosse reaberto para que uma nova negociação possa ocorrer.

A resolução aprovada não prevê punições, mas amplia o desgaste das relações entre a União Europeia e o Brasil. 



« VOLTAR
AVANÇAR »

Nenhum comentário